Auxílio Brasil — Descubra como aumentar o valor do seu benefício

Auxílio Brasil — Descubra como aumentar o valor do seu benefício

Anúncios
Anúncios

O Auxílio Brasil foi criado no momento em que a pandemia de Coronavírus se espalhou pelo país, fazendo com que a alternativa fosse fechar as portas das empresas e comércios, para que todos pudessem ficar em casa, evitando ao máximo o contato com o vírus.

Antes chamado de Auxílio Emergencial, o auxílio era apenas uma forma de socorrer as famílias de baixa e média renda, que não tinham como se manter dentro de casa sem trabalhar.

Anúncios
Anúncios

Agora, o benefício foi transformado em Auxílio Brasil, como forma de substituir outros benefícios, como o Bolsa Família, do governo anterior. Atualmente, mais de 20 milhões de brasileiros são atendidos pelo Auxílio Brasil, segundo dados do Ministério da Cidadania.

Veja como aumentar o valor do Auxílio Brasil

O Auxílio Brasil é pago mensalmente aos que estão cadastrados nele. Para efetuar o pagamento das mensalidades do benefício, o Governo Federal realiza cálculos baseados na soma de abonos complementares.

November 18, 2021, Brazil. In this photo illustration the Auxílio Brasil logo seen displayed on a smartphone. It is a social program of the government of Brazil that replaced Bolsa Família

Vale ressaltar que o Auxílio Brasil é a junção de quase 10 benefícios secundários, fundidos para, segundo o Governo Federal, facilitar o processo de pagamento a cada família.

As famílias que desejam aumentar o valor do Auxílio Brasil, podem recorrer à adesão de benefícios complementares. Veja mais a seguir.

Benefícios complementares do Auxílio Brasil:

Anúncios
Anúncios

Benefício Primeira Infância: pago a famílias com crianças de 0 a 36 meses incompletos.

  • Valor: R$ 130 por integrante
  • Limite: 5 benefícios

Benefício Composição Familiar: pago a famílias com gestantes ou com integrantes de 3 a 21 anos incompletos.

  • Valor: R$ 65 por integrante
  • Limite: 5 benefícios

Benefício de Superação da Extrema Pobreza: pago à famílias que possuem renda mensal por pessoa igual ou inferior ao valor da linha de extrema pobreza, ou seja, quem recebe até R$ 100.

O valor é calculado individualmente para cada família

Auxílio Esporte Escolar: destinado à estudantes de idade entre 12 e 18 anos incompletos, que se destacarem nos Jogos Escolares Brasileiros

  • Valor: R$ 100 + parcela única de R$ 1 mil.

Bolsa de Iniciação Científica Júnior: é pago aos estudantes que se destacam em competições acadêmicas e científicas, de nível nacional.

  • Valor: R$ 100 + parcela única de R$ 1 mil.

Auxílio Criança Cidadã: destinados às famílias com crianças de 0 a 48 meses incompletos, que não conseguirem vagas no sistema público de creches ou conveniadas.

  • Valor: R$ 200, para turno parcial e R$ 300, para turno integral

Auxílio Inclusão Produtiva Rural: destinado aos agricultores familiares que estiverem inscritos no CadÚnico.

  • Valor: R$ 200 por família

Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: pago aos beneficiários do Auxílio Brasil, que comprovarem vínculo de emprego formal

  • Valor: R$ 200 por família

Benefício Compensatório de Transição: esse benefício é destinado à famílias beneficiárias do antigo Bolsa Família, que tiverem redução no valor recebido do seu benefício. O valor é calculado individualmente para cada família.

Valdemar medeiros

Graduado publicidade/marketing, redator há 5 anos, ajudando empresas que querem crescer na Internet. Boa leitura, e até breve!
Gremista

© Gremista. Todos os direitos reservados.